Início » Conjuntura, Destaque, Notícias Gerais

Nota de estudantes sobre a ocupação do prédio histórico da Universidade do Paraná – UFPR

7 novembro 2016 Nenhum comentário
Retirado de: http://greveestudantiluel.tumblr.com/

Retirado de: http://greveestudantiluel.tumblr.com/

Após intensas discussões, e diante do atual cenário de ebulição nacional de mobilizações contra uma série de ataques aos direitos sociais que vem ocorrendo no nosso país, como a PEC 241 (55 no Senado) e a MP 746, nós, estudantes dos diversos cursos da UFPR, decidimos por ocupar, no dia 03 de novembro de 2016, o Prédio Histórico da Universidade Federal do Paraná – UFPR.

Todo poder emana do povo, como está expresso na Constituição, e ante isso o povo tem reivindicado esse poder, através das mobilizações nacionais, cuja ponta de lança tem sido as ocupações estudantis protagonizadas pelos e pelas secundaristas e que agora têm se espalhado pelos Institutos Federais de Educação, e pelas universidades, tanto Federais quanto Estaduais e privadas.

Entretanto, essas mobilizações não se limitam aos movimentos estudantis, indo ao encontro das pautas e reivindicações dos vários movimentos organizados e de luta do campo e da cidade, que vêm se mobilizando ante os ataques aos nossos direitos historicamente conquistados.

Sendo o prédio histórico da UFPR um prédio público pertencente à toda a comunidade e não apenas a alguns poucos cursos, a sua ocupação representa um marco importantíssimo do que vem sendo chamado de “primavera estudantil”.

Salientamos que a ocupação possui caráter pacífico, mas que, no entanto, algumas pessoas contrárias ao movimento de ocupação agiram de maneira violenta, agredindo os ocupantes de forma verbal, moral e física (provocando o ferimento de três estudantes ocupantes, um deles, inclusive, com faca), e ainda forçaram as portas da entrada principal do prédio, quebrado alguns vidros da mesma, conforme mostram vários vídeos filmados durante o ato, que circulam nas redes sociais.

Permaneceremos ocupando por tempo indeterminado até que sejam revogadas a PEC55 e a MP746 que afetam os direitos sociais. Assim sendo, convidamos todas e todos a apoiar as ocupações e a se organizar em seus locais de moradia e/ou trabalho. Resistiremos firmes e fortes.

FORA PEC55!

FORA MP746!

NENHUM DIREITO A MENOS

OCUPAR E RESISTIR

Deixe seu recado!

Deixe seu comentário abaixo, ou um trackback do seu site. Você também pode subscribe to these comments via RSS.

Seja gentil. Escreva de modo limpo e inteligível. Mantenha-se no assunto tratado. Não aceitamos spam.

Você pode usar estas tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

This is a Gravatar-enabled weblog. To get your own globally-recognized-avatar, please register at Gravatar.